Processo de Avaliação

O fluxo de avaliação da revista é composto por cinco (5) etapas: 

1) O artigo, tão logo é submetido, passa por um processo  de detecção de plágio, para fins de proteção intelectual de conteúdos previamente publicados. As checagens são feitas com o software de detecção Plagius.

2) Após esta etapa e estando o artigo  adequado, a Editoria Científica confirma sua submissão tanto pelo formato e características quanto pela pertinência de sua continuidade. Em casos desta natureza, Editores(as) que possuem afinidade com a temática fazem uma avaliação preliminar, recomendando sua continuidade (ou não) no processo avaliativo. O artigo que não atender a estes requisitos não será submetido à avaliação dos pareceristas externos e os autores serão comunicados dessa decisão por e-mail do editor, contendo as razões para o não encaminhamento. O corpo de avaliadores é composto prioritariamente de profissionais externos à UFMG que atuam em instituições de ensino, pesquisa, extensão e gestão. 

3) Com a validação nesta etapa, são escolhidos dois pareceristas alinhados à temática do estudo e que não possuam proximidade regional ou institucional com a autoria do artigo. Os pareceristas recebem como orientação formulário de avaliação contendo um conjunto de itens que devem ser observados e são norteadores na análise de pertinência e viabilidade. Este formulário contém questões que abordam de forma geral a contribuição do artigo, seu referencial teórico, a metodologia utilizada e sua discussão. Os pareceristas podem acrescentar aspectos que eventualmente sirvam de substrato acadêmico e científico ao processo de avaliação. 

4) Com os pareceres realizados, após o prazo solicitado para sua emissão, a Editoria Científica comunica sua decisão, respeitando o conteúdo  e julgamento realizado. Em caso de discrepância ou pareceres com orientações distintas, um terceiro parecerista é acionado para emitir novo parecer. Apos esta decisão, cabe à Editoria Científica proferir  decisão considerando a análise dos pareceres. 

5) A Editoria Científica tem a decisão final de aprovação (ou não) do artigo enviando o mesmo às etapas seguintes, visando seu aperfeiçoamento e melhorias para aprovação e publicação final.  Quando o parecer indicar  "não recomendação",  o autor é imediatamente comunicado da decisão, recebendo a síntese dos pareceres. Em caso de "recomendação com solicitação de ajustes", uma síntese dos pareceres é encaminhada ao autor. Depois de atendidas as solicitações de alteração estabelecidas pelos pareceristas, o artigo é revisado pela Editoria e entra em processo editorial nas diferentes etapas previstas. Todo processo de comunicação com os autores é feito eletronicamente.