Inovação na indústria brasileira: uma análise a partir dos dados de um painel de empresas da Sondagem de Inovação

  • Gilberto Libanio Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Brasil
  • Ana Valéria C. Dias Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Brasil
  • Ulisses Pereira dos Santos Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Brasil
  • Cândido Guerra Ferreira Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Brasil
  • Ana Carolina Londe Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Brasil

Resumo

Este artigo busca examinar o desempenho inovativo da indústria brasileira no período 2010-2015, a partir dos dados da Sondagem de Inovação, cujo universo compreende empresas da indústria extrativa e de transformação com mais de 500 empregados. Neste trabalho, a amostra analisada consiste em um painel fixo de 105 empresas que responderam a pelo menos 20 edições da Sondagem (de um total de 24 realizadas no período). Os resultados indicam uma queda considerável da atividade de inovação entre as empresas industriais pesquisadas ao longo do período, com a taxa de inovação apresentando um movimento de queda acentuada entre o primeiro trimestre de 2010 e o quarto trimestre de 2015. Não obstante, verifica-se, no período em questão, relativa estabilidade no número de doutores e mestres ocupados exclusivamente em P&D, bem como nos gastos em P&D interno e externo como percentual do faturamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
22-04-2019
Como Citar
Libanio, G., Dias, A. V., Santos, U., Ferreira, C., & Londe, A. C. (2019). Inovação na indústria brasileira: uma análise a partir dos dados de um painel de empresas da Sondagem de Inovação. Gestão E Sociedade, 13(35), 3011-3037. https://doi.org/10.21171/ges.v13i35.2857
Seção
Debates e Discussões